Arquivo da tag: torneio multi-table

Quais as Principais Dificuldades em Um Torneio Multi-table

Num torneio multi-table, o jogador de poker participa em várias mesas de jogo ao mesmo tempo. No entanto, para o conquistar, é preciso ter uma ou várias estratégias de jogo eficazes para ultrapassar todas as contrariedades. Conheça as principais dificuldades sentidas num torneio multi-table, contorne-as e aumente as suas probabilidades de vitória.

O estudo dos oponentes

O tempo do jogador é escasso para conseguir acompanhar os seus oponentes e identificar as características dos seus jogos, bem como perceber o que está sendo feito no momento. Para uma boa jogada é necessário saber quem joga mais mãos do que deveria, quem é mais tight do que o normal, quem blefa com dois tiros e quem não os faz. Caso perca a ação em uma determinada mesa, será necessário revê-la e saber o que lá aconteceu.

O estilo de jogo dos adversários

No póquer, é fundamental descobrir quais os padrões de jogo dos oponentes. Ao se jogar em várias mesas, não se conseguirá descobrir esses padrões, não sendo possível, assim, diversificar o jogo tanto quando poderia ou deveria, e uma grande energia será gasta apenas tentando acompanhar as ações praticadas até então. As fórmulas podem auxiliá-lo num primeiro momento, mas os oponentes perceberão o estilo do jogo e se prepararão para isso. Depois de um tempo poderá estar jogando da maneira como eles querem, sem perceber.

A necessidade de tomar rápidas decisões

Nas sessões de no-limit Hold’Em muitos confrontos são colocados (algum pequenos e outros maiores), e eles geralmente definem os resultados finais. Se o estilo do jogador for sólido e agressivo, ele poderá se tornar vencedor nos pequenos confrontos. No entanto, em confrontos maiores, precisará saber mais sobre os oponentes, que é um dos pontos negativos de se jogar em muitas mesas. O seu jogo poderá se constituir de especulações ou adivinhações, o que é passível de se cometer mais erros.

Jogar várias modalidades diferentes

Ao se deparar com as modalidades six-handed, por exemplo, tentar jogar em mais de duas meses já será bem difícil. Dois jogos, para quem está habituado a isso, é possível acompanhar. Mas, no final de cada sessão, certamente estará esgotado. Isso poderá ser um erro, pois certamente está jogando em mesas demais.

Sentir-se esgotado física e emocionalmente

O jogo de poker exige preparo físico, mesmo que você não tenha que correr ou levantar peso, certamente o desgaste físico está associado ao desgaste emocional, que corresponde a 80 % da sua concentração no momento de jogar. Se jogar em várias mesas, certamente o seu desgaste se multiplicará pela quantidade de mesas que está jogando, o que pode acarretar num desgaste imenso, tanto para o corpo, quanto para a psique.

Participar em longas sessões de jogos

As sessões tornam-se mais longas, a partir do momento em que se joga em mais mesas. Certamente o jogador não será o único da mesa a jogar em diversas mesas, portanto, a morosidade dos jogos é natural quando se trata de torneios multi-table, e consequentemente, o desgaste também.

A variedade de jogos

Quanto mais jogadores na mesa, maior a variância que se tem nos jogos. Para cada 50 lobos no jogo, por exemplo, deverão existir 100 burros a mais do que raposas, para que a distribuição do prêmios seja feita corretamente. Poderão, então, haver 350 burros, 350 ovelhas, 250 raposas e 50 lobos. E sendo assim, não será possível saber quem é quem. Isso certamente retomará o ponto acima sobre o “stress, desgaste físico e emocional”.

Em todo o caso, os torneios multi-table são os que mais podem render um bom dinheiro. E isso dependerá do seu preparo físico e emocional e do seu desejo de arriscar em partidas simultâneas, longas e bem difíceis. De qualquer maneira, vale sempre a pena tentar arriscar para que os seus ganhos sejam maiores.