Arquivo da tag: amor

Coaching de Vida para os Problemas do Coração (Amor)

Homens e mulheres procuram a felicidade eterna. Algumas pessoas dizem que sua realização está com o sucesso na carreira, família, relacionamentos e animais de estimação. No final do dia no entanto, quando se deita  na cama, pode realmente dizer que você está feliz? Quantos de nós podemos dizer que estamos realmente eufóricos com o modo como nossas vidas se tornaram?

Sofrimento e nós

A angústia surge da desconexão de nossos pensamentos e emoção pertinentes às realidades da vida. A inquietação é a raiz de todo mal. Olhamos para o nosso descontentamento e depois vemos o mundo exterior, mas o que muitas vezes não conseguimos perceber é que, na realidade,  o descontentamento e a  tristeza estão enraizados dentro de nós mesmos. No entanto, nunca nos preocupamos em investigar ou questionar nossos pensamentos, nossas razões para nos sentirmos desconfortáveis. Uma ou outra vez, as pessoas tentam alimentar sua “motivação” com saltos de uma coisa para outra, sempre falhando em correlacionar que o descontentamento não é apenas um sentimento, é um estado de espírito.

Certa vez um homem sábio disse que quando você pressiona uma faca contra um mecanismo amolador faíscas vão começam a saltar. Esta é a natureza do atrito. As pessoas discutem consigo mesmas porque pesam se seguem seu coração ou sua mente. No final, no entanto, as pessoas ou “saltam para o fogo” ou ficam onde estão. Que decisões deve uma pessoa seguir quando se trata de amor?

A realidade do amor

Quando você está apaixonado, fica preso no momento. É o sentimento emocionante que surge em você quando vê a pessoa que ama, quando as borboletas pousam  em sua barriga ou simplesmente quando você beija. Realmente é maravilhoso. O bum! De repente,  você entra em discussão quando um ou outro faz algo errado e então fica  amargurado. Assim você vai a um coach de vida porque você está perdido.

A questão sobre o coaching da vida é que os coaches irão instigar em você perguntas que trarão à tona o melhor de você, a remoção de seus obstáculos internos e o acesso aos seus mais poderosos recursos.

Mente e emoções

O processo de conhecer a si mesmo pode ajudá-lo bastante. Reconhecendo como você se sente e pensa irá melhorar a sua capacidade de racionalizar e internalizar. Apesar da disparidade da mente e do coração, os dois estão mais entrelaçados do que pensamos. Sentimentos e emoções e pensamentos são processados ​​no nosso cérebro. O coração é um músculo. É o núcleo da humanidade porque ele bombeia sangue. Os sentimentos são processados ​​através da mente e não do coração.

Um bom trabalho orientador nas áreas do pensamento e das emoções podem causar uma virada de vida qualitativa, profunda e significativa.

Paz

Parece que a guerra está em andamento e é o coração contra a mente. É mais provável, porém, que exista uma energia sinérgica gigantesca em potencial. Afinal, quando você tenta analisar a maneira que usa sua mente e como seus pensamentos e emoções estão interligados, perceberá que qualquer trabalho com foco em somente um dos dois tenderá a ser no mínimo ineficaz. Coaching de vida para os problemas do coração (amor) não é sobre como ajudá-lo a tomar as decisões certas. Coaching de vida irá colocá-lo em ação. Que tipo de ação? Só você saberá. Então, no final, devemos encontrar o equilíbrio de sentimentos e pensamentos quando se trata de amor.

Conheça as metodologias de coaching e saiba como elas podem te ajudar a alinhar suas capacidades, sonhos e saúde emocional.

Eu Não Sou Perfeito

Enquanto a igualdade é uma característica humana, outro aspecto importante é a exclusividade. Nossos defeitos não são simplesmente perturbações indesejáveis, são partes integrantes de nossas vidas. Cada um de nós tem a sua própria combinação de falhas e defeitos que fazem quem somos. Elas nos tornam únicos, especiais e bonitos.

Falhas vêm de muitas formas. Aqui estão duas áreas da vida em que nós geralmente falhamos, bem como maneiras de aproveitar e gerenciá-las de forma positiva.

Falhas de caráter

Estas são as falhas de personalidade que podem ser tão simples como a timidez ou mais dolorosa como mentira habitual. Para ser claro, não há muita beleza a ser encontrada na mentira, enganar ou exibir um comportamento arrogante. Quando vemos outras pessoas cometerem estes atos, a nossa reação instintiva é ser crítico. Mas se formos honestos com nós mesmos, sabemos que também temos potencial para fazer coisas semelhantes sob as circunstâncias corretas. Somos capazes de recordar algum momento em que fizemos iguais. Aqui é o lugar onde a beleza se encontra. Esta beleza expressa a realidade que todos nós somos limitados e que precisamos uns dos outros.

Algumas maneiras de gerenciar falhas de caráter:

  • Reconhecer a falha e qualquer comportamento destrutivo associado que está trazendo mal a si mesmo e aos outros;
  • Procure substituir hábitos destrutivos com os positivos;
  • Não vá sozinho. Peça ajuda de amigos, entes queridos, ou profissionais;
  • Aceite as pequenas falhas que não estão causando dor para você ou para outras pessoas;
  • Procure maneiras de ajudar os outros em situações semelhantes.

Defeitos físicos

Um dos efeitos colaterais negativos de uma cultura saturada com imagens de pessoas bonitas é que ele destaca as maneiras que “nós” não somos como “eles”. Meu nariz não é tão simples, meu queixo não é tão forte, meus dentes não são como brancos, os olhos são muito grandes, minha pele é muito escura. Esta lista de “defeitos” pode durar para sempre, e por isso deixa todos nos inseguros. Alguns de nós podem ter características físicas incomuns ou cicatrizes que pensamos que são falhas. Saiba que a sua beleza não vem apenas de sua aparência física, mas também de amar e abraçar a sua singularidade física.

Algumas dicas sobre nossa aparência:

  • Perceba que notamos mais a aparência dos outros que a nossa mesma;
  • Resista à tentação de comparar-se constantemente com os outros;

Como Escolher Um Ótimo Fotógrafo para Seu Casamento

O primeiro item é óbvio: não se esqueça de ver amostras do trabalho do fotógrafo. Os seguintes itens são tão importantes e muitas vezes são negligenciados pelas pessoas. Algumas empresas têm mais de um fotógrafo. Certifique-se de que as fotos de amostra, são mostradas foram tiradas pelo fotógrafo que estaria fazendo seu casamento.

Certifique-se de conhecer e conversar com o fotógrafo e assistente, que estaria fazendo seu casamento. Alguns vão tentar dizer-lhe o que quer, e os outros vão ser mais cooperativa, fazendo sugestões e pedir-lhe o que quiser. Alguns fotógrafos vai tentar executar o seu casamento. Tenha em mente que um fotógrafo profissional não é necessariamente um bom organizador de casamento, embora alguns insistem em impor “suas regras” em você. Pedir um monte de perguntas para ter certeza que você sabe o tipo de pessoa que você está contratando. Você quer ter um dia maravilhoso no dia em que se casar ea última coisa que você precisa é de um fotógrafo não cooperativos que insiste em fazer as coisas do seu / sua maneira e causa-lhe dor nesse dia especial.

Alguns fotógrafos fazem uma grande porcentagem de sua renda, ao cobrar horas extras. Certifique-se de que você sabe exatamente quanto do seu tempo você está pagando no dia do seu casamento, e ter certeza que é tempo suficiente para atender às suas necessidades.

Com algumas empresas, é difícil descobrir exatamente o quanto você estará pagando até que tudo acabou. Outras empresas oferecem pacotes que são muito mais fáceis de entender. Depois de conversar com a empresa sobre o preço, se você não se sentir confortável em saber que você vai chegar e quanto vai custar, você provavelmente não vai ser feliz com o projeto de lei final. Certifique-se de comparar os preços de reimpressões e ampliações.

Certifique-se de que haverá um contrato assinado, para pedir uma cópia em branco, lê-lo com cuidado, e compará-lo com os contratos de outras empresas antes de assinar.

Algumas companhias de entregar o produto final mais rápida do que outras. Certifique-se de perguntar sobre isso.

Alguns autores que sabem pouco sobre os aspectos técnicos da fotografia aconselho a perguntar que tipo de equipamento é utilizado. Será que isso realmente importa? Ou você gosta da aparência das amostras, ou você não faz. Não há melhor “qualidade” teste do que só de olhar para o trabalho concluído. Um fotógrafo profissional é um artista e eles vão escolher as ferramentas que melhor trabalho para eles.

Considere ter seu casamento profissionalmente filmado antes de decidir sobre um fotógrafo. Você provavelmente já viu vídeos de casamento produzidos por um “Uncle Joe” e não foram muito impressionado. Não é um fato bem conhecido que existem empresas de vídeo no local que produzem vídeos de casamento profissionais que se parecem e soam como filmes, e ainda o custo é muitas vezes menor do que você pagaria por um fotógrafo. Você pode querer ajustar o seu orçamento fotografia para permitir isso, depois de ter visto alguns demos.

O importante é você viver o amor e ser feliz no casamento.

Os Segredos de Um Relacionamento Duradouro

Olhando ao meu redor eu percebi que a maioria dos relacionamentos – tantos os que tive quanto os que acompanhei à distância – sucumbem ao mesmo mal – a falta de química, de tesão, de paixão entre os dois. Seja por conta da monogamia, das diferenças entre homens e mulheres, enfim, seja por qual for o motivo, eu resolvi focar nos relacionamentos que sim dão certo e compilar uma série de conselhos que essas pessoas me deram. Tudo isso em nome de um sentimento vítima de tantos chavões como é o amor. O amor não julga, não manda, não obriga ninguém a nada.

São palavras sábias, frases de amor que buscam espalhar esse sentimento de maneira descompromissada! Espero que gostem!

Façam planos juntos – o relacionamento precisa estar sempre em movimento. Para isso, nada melhor do que fazer planos juntos com o parceiro. Podem planejar uma viagem, uma casa, um filho, o que estiverem sentindo no momento, mas é fundamental que criem planos. Planos que vocês só fariam um com o outro. Esse tipo de troca mantém o casal bem unido e isso é fundamental para um relacionamento longo e amoroso.

Namorem muito – não deixem a rotina do dia a dia fazer com que vocês entrem no modo mecânico de viver. Já fazemos tudo tão mecanicamente – trabalhamos, dirigimos, conversamos. Não passemos a amar mecanicamente também. Procure conquistar o seu parceiro como no começo da relação – tente surpreender, dê carinho em momentos  inusitados, leve ela pra sair. Esse tipo de alteração na rotina é o que deixa o dia a dia com um sabor mais gostoso.

Cuidem da intimidade – é impressionante o volume de parceiros que não conversam sobre sexo. A gente tem o hábito de entrar numa relação achando que sabe tudo, querendo impressionar o parceiro ou a parceira. Sexo é troca, é descoberta, é união. Ele deve ser celebrado, deve trazer alegria para o casal. Conversar sobre o assunto tem que ser algo natural e frequente. O que não combina com um relacionamento duradoudo é uma mulher que finge orgasmo ou um cara que não pode ver um rabo de saia e trai em cada oportunidade que tem. Quando o casal está satisfeito sexualmente, a intimidade fica muito mais saborosa.

Façam suas regras – se cada pessoa é um universo, combinar a vida de duas pessoas é algo com infinitas possibilidades ao quadrado. E muitas vezes, para combinar essas vidas, acabamos usando contratos pré-estabelecidos que encontramos no mundo. O noivado, o casamento, o namoro. Cada um desses termos possui uma série de regrinhas já moldadas às quais temos que nos encaixar quando começamos a relação. Ora, que tal se, ao invés disso, cada casal criasse seu próprio acordo, seu próprio contrato? Conversem sobre os limites de cada um e vejam o quanto estão dispostos a aceitar ou abrir mão de alguma coisa logo no início.

Fiquem de olhos, ouvidos e todos os outros sentidos alertas para o amor. Esse sentimento só se manifesta para nos tornar maiores e melhores. Quando temos a chance de um relacionamento com alguém que realmente nos toca a alma, precisamos buscar energia no amor para manter esse vínculo por anos e anos. É simples assim.

Uma Nova Maneira de Amar

Mais do que nunca a frase “Qualquer maneira de amor vale a pena” faz sentido. Neste momento de tanto desamor, indiferença e sacanagem, o afeto é completamente bem-vindo, qualquer que seja a sua forma. Não estou falando somente do amor romântico, aquele que acontece entre duas pessoas. Falo do amor que flui o tempo todo, em todas as direções, a qualquer hora. Isso é o que está faltando. Você pode ser uma fonte de amor. Sendo amoroso com cada um que você encontra, amoroso em tudo o que faz.

Não acredito nessa coisa de você concentrar toda a possibilidade de amar em uma só pessoa ou em um grupo limitado de pessoas. Acho até que este mundão chegou no ponto em que chegou exatamente por este modo de pensar. Neste sentido, o amor universal é a única saída. Conheço muitas famílias que convivem com seus filhos em uma espécie de redoma, vendo o mundo externo como uma ameaça. O resultado disso são pessoas bastante limitadas, desconfiadas, sem nenhum senso de cooperação social.

Neste começo de século, tudo começa a mudar. A prática dos encontros questiona os valores do recente século passado: há agora um consenso de que o mais importante é a qualidade do relacionamento e não o tempo que ele dura. O interesse individual passou a ser a ordem suprema. Na busca da autenticidade, muitos conceitos vão sendo questionados. Cada um desenvolve as suas próprias convicções, querendo que o outro se comporte de acordo com elas.

Você espera receber aquilo que precisa e esquece que a natureza do amor está exatamente no oposto: no  interesse genuíno em colaborar com o crescimento alheio, no desejo de participar na construção de um mundo melhor. Cada um é diferente e tem seu jeito de ser e por isso não há regras que sirvam para todos, mas isto não nos dispensa de princípios básicos do bom relacionamento, particularmente apoiados no respeito.A maturidade deste momento está na busca do respeito de dentro para fora e não a partir de uma ordem externa que determina o certo e o errado. A base é o respeito por si mesmo, o reconhecimento do ser único cada um é. Somente assim, você também reconhecerá as diferenças  e que está tudo bem. Somente assim, aprenderemos a ser mais tolerantes, deixando de impor o nosso ponto de vista numa eterna disputa que nunca tem fim.

Agende um aconselhamento com Sergio Savian, autor deste texto, pelo telefone 011 2368-9305 ou escreva para atendimento@sergiosavian.com.br

Solução de Conflitos para Ficar Bem no Dia dos Namorados

Para muitos, viver sozinho depois de ano ou anos namorando pode ser difícil ou praticamente impossível, ainda mais com o Dia dos Namorados se aproximando, porém muitos casais estão na contramão do amor, vivendo em pé de guerra e quase ou nenhum momento feliz e alegre, que logo acaba ofuscado por uma briga, discussão e desavenças.

Se você sentiu que se encaixa nessa pequena introdução, infelizmente a relação de você e quem você ama, não vai nada bem, e ao contrario, pode estar à beira do final, mas acalme-se, pode ser uma fase ruim que logo vai passar, é só aplicar algumas dicas e conselhos que tudo pode ficar bem, confira algumas sugestões do que fazer para melhorar e até salvar o relacionamento.

Uma das ações que tem de ser feita o mais depressa possível, é a comunicação do casal, muitas vezes o casal está numa fase ruim por estar conversando pouco ou mesmo por falta de comunicação, e sem comunicação, não há relacionamento que dure, por isso comece a conversar mais com o seu amor, pergunte coisas do dia a dia, opine, fale, se for ‘aparar as arestas’, esteja sempre consciente de que estar com raiva, com irritação não vai contribuir para a conversa acabar com as desavenças, o melhor é deixar essa conversa quando ambos estiverem com a mente tranquila, sem maiores preocupações e dispostos a falar sobre o que pode estar causando um possível estresse na relação.

Uma boa dica, para resolver qualquer problema que possa existir entre o casal, é marcar uma viagem a dois num final de semana naquela pousada da cidade que vocês sempre tiveram vontade de ir, porém as circunstâncias nunca permitiam, essa é uma ótima maneira de se terminar com qualquer situação que possa estar atrapalhando a felicidade do casal.

Vocês viajaram conseguiram ficar de bem um com o outro, mas a felicidade acabou durante só alguns dias ou semanas, o que fazer? Sabemos que não dá para fazer uma viagem toda vez que uma briga acontece, o que deve ser feito é analisar de fato quem estava certo ou errado na discussão, se a briga tinha fundamento, se existia mesmo um motivo real para ficar magoado e por fim e mais doloroso ainda, saber se no relacionamento ainda existe o amor, amor de verdade e amor de verdade é diferente de rotina.

Muitas pessoas estão ‘acostumadas’  estar com quem um dia amaram e isso virou rotina, e sem amor, o namoro já acabou o que está acontecendo ali é uma ‘amizade com beijos’, e com certeza não é o que você tem em mente para você e nem para a outra pessoa. Sim, vai doer se a melhor saída para os dois for o término, vocês vão querer se falar algumas vezes, vai rolar um ‘flashback’ vira e mexe, porém com o tempo tudo o que você sentia, vai se tornando parte da sua história e as lembranças boas vão ficar com você, mas, se tem em mente que depois da separação pode ocorrer de voltar e ficar as boas com quem ama, isso nem sempre acontece e quando acontece na maioria das vezes o casal termina em seguida de forma definitiva, e é claro que a melhor saída é o casal terminar amigavelmente e sem brigas, mas nem sempre é o que de fato acontece.

Por isso, analise bem as circunstâncias, se o amor ainda existe na relação, se vale a pena continuar tentando engrenar a relação e faça o que for o melhor para você não sofrer e nem se arrepender depois. E que se as brigas forem resolvidas, um Dia dos Namorados, com muitos beijos, abraços, carinhos e claro, muito amor!