Por Que Ocorre e Como Evitar o Efeito Sanfona?

Muitas pessoas têm dificuldade em emagrecer e manter o peso. Tentam diversas dietas, das mais comuns às mais loucas, muitas vezes sem avaliar os riscos de uma dietas extrema. E é aí que acontece o tão famoso e temido efeito sanfona: A pessoa não consegue manter o peso, ganha todo o peso novamente, tenta uma nova dieta, emagrece, e volta a ganhar o peso perdido, muitas vezes. Isso prejudica o organismo, pois além de ganhar e perder peso com uma velocidade muito rápida, também dificulta cada vez mais o emagrecimento.
 
O corpo se torna resistente ao emagrecimento, tornando-se cada vez mais complicada a perca de peso. O efeito sanfona ocorre porque, durante nosso crescimento, as células de gordura são formadas. Quando a criança come muito, as células incham, dividem-se e aumentam. E não são perdidas. O cérebro interpreta o emagrecimento como uma ameaça ao organismo, queimando menos calorias, tornando o metabolismo mais lento.

Como reverter este efeito?

Uma pessoa que está de dieta precisa manter os hábitos saudáveis após conseguir chegar ao peso desejado. E além disso, para acabar com o efeito sanfona, é preciso conseguir manter o mesmo peso por um período de tempo, para que o organismo se adapte. Estar acima do peso é um problema que precisa ser cuidado, mas é preciso respeitar o corpo e seus limites. O efeito sanfona pode ser o causador de muitos problemas de saúde, como doenças do coração, enfraquecer o sistema imunológico, hipertensão, entre outros.

Alimentação saudável – o segredo

A alimentação saudável é o segredo, a chave essencial para um emagrecimento saudável e com sucesso. A alimentação não consiste em cortar alimentos, mas permite que se coma de tudo, pois cortar açúcar, por exemplo, pode desestimular a dieta. Além disso, é preciso manter os hábitos alimentares saudáveis, pois o que ajuda a manter o peso é não abandonar a alimentação saudável. Continuar com os hábitos adquiridos durante a dieta ajuda a manter o peso a saúde. Se você fazia reeducação alimentar, exercícios e usava complementos alimentares, como Herbalife, chás, sucos, shakes, etc., é bom continuar, mas apenas passar a ser mais flexível com a dieta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *