Plataforma de Trabalho em Alturas

Cada vez mais leves e modernas, as plataformas de trabalho elétricos em alturas estão ganhando popularidade para as operações de limpeza de janelas, manutenção de serviços, consertos e reparos, especialmente em ambientes fechados e em pátios isolados, onde equipamentos hidráulicos pesados ​​não podem ser usados. Uma Plataforma de Trabalho Aéreo – PTA é, de acordo com a definição do Ministério do Trabalho e Emprego do Brasil, um “equipamento móvel, autopropelido ou não, dotado de uma estação de trabalho (cesto ou plataforma) e sustentado em sua base por haste metálica (lança) ou tesoura, capaz de erguer-se para atingir ponto ou local de trabalho elevado”.

Atualmente, existem três tipos básicos de plataforma de trabalho em alturas: articulada, telescópica e tesoura. Para aquisição, locação e utilização de qualquer um dos três tipos de plataforma elevatória, o proprietário deve ter conhecimento da regulamentação legal, em vigor no país desde 2007. Trata-se da Norma Regulamentadora NR 18 que determina ainda a proibição de transporte de pessoas por qualquer outro equipamento de guindar que não seja projetado para o fim específico.

Mas o uso de uma plataforma de trabalho em alturas não esta restrito somente á indústria, serviços manutenção e reparos. Alcançado setores antes inimagináveis, as plataformas vêm sendo utilizadas como excelentes recurso técnico para grandes efeitos em setores da comunicação e publicidade, e do mundo das artes e celebridades, em sets de filmagens e grandes montagens artísticas, como a do Cirque du Soleil e alguns shows das turnês do artista pop Michael Jackson.

Ainda que pareça muito inusitado o uso de plataforma de elevação em atividades de arte e cultura, um das oportunidades mais lúdicas de uso de um equipamento como este aconteceu em Londres, na Inglaterra, onde se utilizou plataformas elevatórias para o “Hatwalk”, em 2012 – colocação de chapéus sobre as cabeças de algumas das estátuas mais emblemáticas da cidade, incluindo a estátua do almirante Lord Nelson sobre a Coluna de Nelson, na Central London’s Trafalgar Square.

Bom lembrar que todo proprietário de uma PTA deve conservar, por um período de cinco anos, documentação referentes a registros de manutenção da plataforma de sua propriedade, com datas, deficiências encontradas e ação corretiva recomendada, identificação dos responsáveis e registros de todos os reparos realizados, dentre outras informações técnicas. Além disso, de acordo com a Norma NR 18, somente pessoas qualificadas e autorizadas podem manejar qualquer tipo de plataforma de trabalho aéreo.

Elevadores boom de cerâmica pode ser utilizado para trabalho especializado em espaços confinados, no entanto, eles não são tão comuns como elevadores de tesoura. A plataforma elevatória articulada é, portanto, um instrumento de trabalho nas alturas composta por um braço articulado e uma cesta aérea em sua extremidade, para transportar e elevar pessoas até o lugar desejado para executar o trabalho, bem como a e movimentação de cargas.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz