Entenda o Que é Um Software Financeiro

Software comercial é qualquer programa de computador destinado a operações comerciais ou empresariais. É diferente de software não-comercial, aquele destinado ao uso de pessoas físicas para operações não relacionadas a atividades empresariais.

Não existe nenhuma relação com os conceitos de softwares livre e software proprietário, ou seja, um software pode ser livre sendo comercial ou não ou proprietário sendo comercial ou não. Software proprietário é aquele que destina-se a relações de contrato com pagamento de licença integral ou mensal e livre é aquele que funciona em regime de cooperação, sem obrigação de pagamento.

Independente da natureza do software, livre ou proprietário, o direito intelectual deve ser preservado. Por isso, não é porque um software é livre que qualquer um pode se apossar e se declarar dono ou autor. Por isso, é sempre bom verificar quais são os usos permitidos e quais são as exigências do autor em relação ao reconhecimento da autoria.

Existem centenas de tipos de softwares comerciais, destinados a todo tipo de transação, nos setores de serviços, indústria e comércio. Um software é um conjunto de instruções lógicas que permite ao computador desempenhar determinadas tarefas, atendendo às necessidades específicas de um usuário. Basicamente, os softwares se dividem em sistemas operacionais (exemplo do Windows, Linux, etc) ou programas aplicativos (como o Excel, o PowerPoint, os programas de caixa, etc). Também existes softwares destinados à interface entre computadores e máquinas ou periféricos (o programa que gerencia a impressora, os programas de automação industrial, etc).

Nas atividades comerciais em micro e pequenas empresas, a maioria dos softwares comerciais destinam-se ao apoio gerencial, como cadastro de clientes e fornecedores, registro das vendas, geração de documentos fiscais, controle de caixa, controle de estoque, controle de funcionários, etc. O desenvolvimento de um software comercial passa basicamente pelas etapas de análise de demanda econômica, análise dos requisitos, especificações, codificação, teste, documentação, treinamento dos usuários, manutenção e implantação nos ambientes.

A licença de uso pode ocorrer em forma de pagamento único (sem taxa mensal de manutenção) ou por meio de licença mensal de uso. Ninguém compra um software, mas sim a licença de uso do mesmo. Somente o banco de dados, ou seja, as informações que insere no software, são de propriedade de quem compra a licença de uso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *